Províncias

Governo de Malanje prioriza obras no sector social

Adriano Sapalo e Venâncio Víctor | Malanje

O fornecimento de água e de energia eléctrica e a melhoria dos serviços sanitários são as principais acções a ser realizadas, este ano, pelas autoridades provinciais do Malanje, no quadro do Programa de Combate à Pobreza,

Autoridades apostam na melhoria e na qualidade do fornecimento de água às populações com a implemetação de vários projectos
Fotografia: Rafael Tati | Edições Novembro

considerou ontem o vice-governador local para o sector Técnico e Infra-estruturas. Gabriel Pontes, que falava no termo de uma visita de constatação do grau de execução dos programas Municipal Integrado de Desenvolvimento Rural e de Combate à Pobreza nos municípios de Luquembo e Quirima, disse que aqueles sectores vão conhecer um reforço especial de acções, apesar da crise financeira.
No âmbito destas acções, Luquembo vai beneficiar de um hospital municipal, com capacidade para 45 camas com serviços de pediatria, raio X, laboratório e bloco operatório.
O administrador municipal de Luquembo, Alcino Ciabala, disse que quando terminarem as obras, o hospital vai atender  pacientes dos municípios de Cambundi Catembo e de Quirima, uma vez que a unidade vai uma ter dimensão regional.
Actualmente, Luquembo tem uma unidade sanitária que está a ser transformada em hospital materno-infantil.
A par disso, Alcino Ciabala anunciou a construção, ainda este ano, de postos de saúde nas comunas de Dômbua Zanga, Quimbango, Kapunda e Cunga Palanga.
O soba de Luquembo, Pedro Tomas, destacou as potencialidades agrícolas da região, tendo defendido a construção de uma dependência bancária e de uma escola do segundo ciclo.
Em resposta, o vice-governador Gabriel Pontes salientou que estas acções vão ser efectuadas, estando, nesta altura, as autoridades a priorizar a reabilitação da via que liga as comunas de Caxinga (Caculama) e de Mussolo e Dumba Cabango (Cambundi Catembo), na Estrada Nacional 160, para facilitar a circulação de pessoas e mercadorias.
Esta situação de melhoria das vias, explicou o vice-governador provincial,   vai ajudar a  atrair  investidores e impulsionar a actividade comercial na  região do Songo, que compreende os municípios de Luquembo, Cambundi Catembo e Quirima.

Chuvas destruidoras


Apesar dos projectos de circulação rodoviária, Gabriel Pontes exprimiu preocupação em relação à degradação da via que liga a sede municipal de Quirima à comuna de Sautar. Os danos são provocados pelas chuvas que se abatem constantemente naquela região de Malanje.
Relativamente ao Programa Municipal Integrado de Desenvolvimento Rural e Combate à Pobreza, Gabriel Pontes disse que o momento macroeconómico que o país vive, nos últimos anos, tem sido pouco favorável à execução de  obras nalguns municípios. Ainda assim, Gabriel Pontes perspectiva, para este ano, melhorias na execução financeira, o que vai facilitar o cumprimento das acções programadas nos municípios de Luquembo e Quirima, no âmbito do Programa de Combate à Pobreza.
O vice-governador acrescentou que, no presente exercício económico, o Governo Provincial de Malanje vai dar prioridade à conclusão das obras paralisadas durante o ano passado em alguns municípios, de forma a dar  novo visual às  circunscrições municipais e dignidade aos seus habitantes.

Tempo

Multimédia