Províncias

Governo melhora serviços para os jovens

Armando Sapalo | Dundo

O governador provincial da Lunda Norte Ernesto Muangala, anunciou, no Dundo o reforço das acções destinadas a garantir a contínua valorização e inserção da juventude local no centro das decisões politicas, sociais e áreas produtivas tendo em vista a sua participação no processo de desenvolvimento económico da província.

Governo colocou a juventude no centro das decisões políticas para dar outra dinâmica ao processo de desenvolvimento da região
Fotografia: Eduardo Capita

Ao intervir durante uma gala de homenagem à juventude no encerramento da jornada “Abril Jovem“, Ernesto Muangala informou que no quadro da nova divisão administrativa da Lunda Norte, as autoridades locais apostam na juventude em termos de gestão das principais cidades com vista ao asseguramento do programa de reordenamento territorial.
O governador provincial da Lunda Norte disse que a nova estrutura organizacional aprovada em Novembro de 2014 confere à cidade do Dundo a categoria da sede do município do Chitato e capital da província.
A alteração aprovada pelo Conselho de Ministros permitiu que a 7 de Janeiro de 2015 o Presidente da República, José Eduardo dos Santos, tornasse público o decreto que eleva o Dundo à categoria de cidade com três distritos urbanos.
O governador provincial explicou que os três distritos urbanos que foram criados, no âmbito da nova estrutura organizativa da sede da província, são  Chitato, Dundo e   Mussungue. 
O governador provincial da Lunda Norte   anunciou que entrega  a presidência da comissão administrativa da cidade do Dundo a quadros jovens, com experiência, formação académica e profissional comprovadas.
Ernesto Muangala avançou que a aposta na tecnocracia, sobretudo no aproveitamento de jovens, com visão e vontade de contribuírem no crescimento da província, são  factores determinantes para o desenvolvimento. Os objectivos preconizados pelo Executivo, disse, passam pela oferta satisfatória de serviços públicos aos habitantes da cidade do Dundo, com realce para as medidas de recuperação e reordenamento urbano e programas de autoconstrução dirigida através das políticas de fomento habitacional.
 Neste momento explicou o governador provincial da Lunda Norte, as autoridades locais, em coordenação com o Ministério da Administração do Território, trabalham na aprovação do quadro orgânico da cidade do Dundo, cujo primeiro passo é a escolha do perfil técnico e profissional do presidente da comissão administrativa e administradores distritais. “O nosso desafio é transformar o Dundo numas das maiores cidades do Leste de Angola com infra-estruturas modernas e serviços públicos eficientes, pois alguns entendem designar o Dundo por cidade brilhante, outros por cidade verde, mas também podemos considerá-la cidade jovem”, disse o responsável, e referiu que, a par de Luanda, o Dundo é a primeira cidade no interior do país onde o Executivo criou distritos urbanos.
Ernesto Muangala disse que para os próximos exercícios económicos, até 2017, prevê-se uma fiscalização rigorosa na aplicação dos programas destinados à melhoria da qualidade de vida das populações e uma atenção especial à juventude da região.
O governador informou que  aposta nos jovens, em termos de atribuição de cargos de chefia a nível dos sectores considerados de crucial importância na promoção do bem-estar das populações, tendo como suporte o “ Plano de Desenvolvimento da Juventude”.
A prioridade, apontou o governador provincial da Lunda Norte, é para aquele grupo de jovens que, a par da sua formação académica e vocação artística comprovadas, sejam  modelos numa conduta digna na garantia da preservação dos valores e princípios éticos, culturais, desportivos e patrióticos do património nacional. “Apostamos na inserção social e económica dos jovens para participarem no processo de desenvolvimento da província”.

Tempo

Multimédia