Províncias

Banco sem mãos a medir durante o fim-de-semana

Marcelino Dumbo|Huambo

Pelo menos 63 vítimas de casos de acidentes de viação deram entrada, durante o último fim-de-semana, no Banco de Urgência do Hospital Geral do Huambo, declarou ontem Quelina Calivala.

Pelo menos 63 vítimas de casos de acidentes de viação deram entrada, durante o último fim-de-semana, no Banco de Urgência do Hospital Geral do Huambo, declarou ontem Quelina Calivala.
A chefe de enfermagem afirmou que algumas vítimas evidenciavam sinais de embriaguês e que, no mesmo período, a unidade recebeu 978 pacientes, 92 dos quais foram internados com malária, doenças diarreicas e respiratórias agudas, hepatite, entre outras patologias.
Ela salientou ainda que o hospital registou 19 casos de agressão física, contra 24 da semana anterior, sete queimaduras, contra cinco do mesmo período, e cinco casos de intoxicação alcoólica.
O porta-voz do Comando Provincial da Polícia Nacional, Fernando Manção, informou os jornalistas que na sequência dos nove acidentes, 13 pessoas morreram.
 O excesso de velocidade, motivado pelo bom estado das estradas, a embriaguês e a condução ilegal foram apontados, pelo porta-voz do Comando Provincial da Polícia Nacional, como as principais causas dos acidentes rodoviários que têm sido registados nos últimos tempos na província do Huambo.

Tempo

Multimédia