Províncias

Comuna da Tchinhama necessita de mais salas

Estácio Camassete | Tchinhama

A comuna da Tchinhama, no município do Katchiungo, província do Huambo, necessita de 50 novas salas para melhorar a qualidade de ensino nas aldeias com maior concentração populacional, disse ontem o chefe da repartição comunal, Adolfo Tchisalukila..

A comuna da Tchinhama, no município do Katchiungo, província do Huambo, necessita de 50 novas salas para melhorar a qualidade de ensino nas aldeias com maior concentração populacional, disse ontem o chefe da repartição comunal, Adolfo Tchisalukila..
O responsável disse que as localidades de Sandumbo, Funda e Chindonga são as que mais atenção necessitam das estruturas do sector a nível da província, por apresentarem uma grande concentração populacional e falta de escolas de construção definitiva, o que leva os alunos a estudarem em salas improvisadas e por baixo de árvores.
Apesar das dificuldades apontadas, a comuna possui apenas nove salas de aulas, revelou Adolfo Tchisalukila. O responsável disse que a repartição matriculou, neste ano lectivo, 8.075 alunos, número que ultrapassa a capacidade de salas.
A localidade, segundo o chefe da repartição de Educação da Tchinhama, não possui alunos fora do sistema de ensino, mas debate-se com problemas ligados à falta de professores. Pelo menos, 100 novos professores são necessários para que as aulas na região sejam ministradas com normalidade.
Quanto à saúde, o chefe da repartição comunal da Tchinhama, Arnaldo Abraão, revelou que a rede sanitária necessita de novas infra-estruturas e de reforço de quadros.
A comuna possui, neste momento, apenas três unidades sanitárias para proporcionar assistência médica e medicamentosa para um universo de 32.710 habitantes da região, disse o responsável.
As três unidades de saúde estão situadas na comuna sede, com um centro e um posto, na Ombala de Moma, e outro posto, no sector de Savitangayala. Neles funcionam dois técnicos médios e 19 auxiliares de saúde.
Nesta altura, devido à procura de serviços sanitários, a comuna necessita de mais três unidades clínicas para colmatar as dificuldades que as populações da Ombala Dumbo, Kavango Aldeia e Seteka Funda enfrentam.

Tempo

Multimédia