Províncias

Conferência infanto-juvenil aborda alterações climáticas

Estácio Camassete|Huambo

Alunos das escolas do I e II Ciclos de ensino no Huambo participaram na primeira conferência provincial infanto-juvenil sobre as alterações climáticas.

Alunos das escolas do I e II Ciclos de ensino no Huambo participaram na primeira conferência provincial infanto-juvenil sobre as alterações climáticas, que decorreu durante dois dias nas instalações do Instituto Superior Politécnico, uma unidade orgânica da Universidade José Eduardo dos Santos, UNIJES, sob o lema “Vamos cuidar de Angola".
Oriundas dos 11 municípios, que compõem a circunscrição administrativa do Huambo, a conferência contou com a presença de 50 adolescentes, que tomaram conhecimentos dos fenómenos causadores do aquecimento global, que tem causado vários danos materiais e humanos em diversos pontos do mundo.
No último dia de actividades, os participantes recomendam uma parceria institucional entre as direcções provinciais de Educação, Urbanismo e Ambiente e a Casa Ecológica, para permitir maior articulação e a solução dos problemas que afectam a degradação do meio ambiente na província.
O vice-governador para a Esfera Económica e Social do Huambo, Deolindo Barbosa, disse, no acto de encerramento, que a conferência serviu para despertar os conhecimentos das crianças sobre as alterações climáticas provocadas pela acção do homem e que já se fazem sentir em muitas partes do globo, ceifando vidas e desestabilizando as economias.
 Deolindo Barbosa pediu a todas as crianças que tenham comportamentos positivos e ligados à protecção do meio ambiente, renunciando a actividades que possam poluir a atmosfera, participando e promovendo campanhas de plantação de árvores e de protecção dos espaços verdes.

Tempo

Multimédia