Províncias

Cooperativas de camponeses são filhas da independência

A organização das famílias camponesas em cooperativas e associações para acesso aos diversos programas de apoio à produção agrícola, só pôde tornar-se uma realidade depois do alcance, em 1975, da independência nacional, afirma a Federação das Associações de Camponeses e Cooperativas Agro-pecuárias (UNACA) na província do Huambo.

Grande parte da lavoura é feita por mulheres
Fotografia: Jornal de Angola

A organização das famílias camponesas em cooperativas e associações para acesso aos diversos programas de apoio à produção agrícola, só pôde tornar-se uma realidade depois do alcance, em 1975, da independência nacional, afirma a Federação das Associações de Camponeses e Cooperativas Agro-pecuárias (UNACA) na província do Huambo.
O presidente da federação no Huambo, Abraão Fernandes, revelou que a independência deu lugar à liberdade de acção dos camponeses e possibilitou a intervenção dos líderes comunitários. “Antes de 1975, os camponeses não tinham grandes extensões de terra, porque usavam toda a sua força e meios ínfimos para sobreviver. A governação colonial preocupava-se mais com o imposto e com o trabalho forçado e quase nada fazia para reduzir o sofrimento das famílias camponesas”, salientou.
Com Angola independente, acrescentou, os angolanos, particularmente os do meio rural, estão a beneficiar de diversos programas que lhes dão mais dignidade, em áreas como a da saúde, educação, transportes públicos, microcrédito e crédito agrícola de campanha.
Sem revelar dados anteriores, Abraão Fernandes apontou que nos últimos oito anos o número de cooperativas agropecuárias cresceu de sete para 104, enquanto a cifra de associações de camponeses passou de 579 para 633. A UNACA controla, actualmente, 23.687 cooperadores e 91.159 associados, sendo 66.684 mulheres.
Abraão Fernandes salientou como outro ganho da independência a adesão da mulher rural às aulas de alfabetização o que está a ajudá-la a melhor compreender os problemas da sua comunidade.

Tempo

Multimédia