Províncias

Diagnosticados novos casos de Sida

Tatiana Marta|Huambo

Mais de 2.300 casos de VIH/Sida foram diagnosticados durante os últimos nove meses no Huambo, revelou quinta-feira o supervisor provincial do Programa de Luta contra a pandemia, Euclides Tchipalavela.

Mais de 2.300 casos de VIH/Sida foram diagnosticados durante os últimos nove meses no Huambo, revelou quinta-feira o supervisor provincial do Programa de Luta contra a pandemia, Euclides Tchipalavela.
Os casos positivos foram diagnosticados a partir de 6.000 testes realizados no Centro de Testagem Voluntária da província, durante o mesmo período.O supervisor disse que este número tende a crescer, visto que a maioria dos casos diagnosticados envolve pessoas com idades entre os 17 e 36 anos, alguns com comportamentos desaconselháveis, apesar das mensagens passadas pelos técnicos de saúde.
Euclides Tchipalavela disse que actualmente os 2.300 portadores da doença na província estão a receber tratamento, através da administração de retrovirais.
O responsável provincial da luta contra a Sida informou que o programa está a aperfeiçoar os métodos de testagem, anunciando a existência de laboratórios, de prevenção e de corte da transmissão vertical, com a utilização de equipamentos de ponta. O supervisor garantiu que a distribuição dos medicamentos e o tratamento dos pacientes decorrem sem sobressaltos, uma vez que a província possui farmácias, laboratórios e consultórios médicos com especialistas formados e abalizados na luta conta a Sida, acrescentou. Euclides Tchipalavela pediu à juventude procurar os centros de testagem voluntária a fim de conhecerem o seu estado serológico e tomarem medidas de prevenção, diminuir a carga viral da doença e evitar novos contágios.

Tempo

Multimédia