Províncias

Empreendedores recebem formação no Planalto Central

O programa de apoio ao pequeno negócio é uma iniciativa inteligente do Executivo que tem por objectivo combater a pobreza, afirmou ontem o director provincial da Educação, Ciência e Tecnologia do Huambo.

O programa de apoio ao pequeno negócio é uma iniciativa inteligente do Executivo que tem por objectivo combater a pobreza, afirmou ontem o director provincial da Educação, Ciência e Tecnologia do Huambo.
Sampaio do Amaral falava na cerimónia de abertura da acção formativa sobre o pequeno negócio dirigida a jovens empreendedores, em representação do governador da província, Fernando Faustino Muteka.
A acção formativa, dirigida a 217 jovens empreendedores que beneficiaram do crédito do Balcão Único do Empreendedor (BUE), com a duração de 15 dias, pretende apetrechá-los de competências na elaboração de demonstrações financeiras, numa iniciativa do colégio politécnico privado (JGM).
Sampaio do Amaral frisou que a actividade comercial requer conhecimentos e habilidades e para se ter sucesso nesta actividade é necessário esforço e entrega física dos jovens, por serem a força motriz para o desenvolvimento de qualquer sociedade.
“É necessário que o pequeno empreendedor tenha fundos financeiros que sirvam de alavanca dinamizadora para o engrandecimento e expansão da actividade. Por isso, o Governo, em colaboração com os seus parceiros sociais, promove formações específicas para jovens empreendedores e todos aqueles que queiram ajudar o Executivo a diminuir as taxas de desemprego entre a juventude”, explicou. Lembrou, ainda, ser necessário que os valores recebidos sejam debitados dentro dos prazos superiormente estabelecidos, para que outros jovens tenham a mesma oportunidade.

Tempo

Multimédia