Províncias

Escola necessita de apoios para começar o ano lectivo

Tatiana Marta| Huambo

A direcção da escola primária nº 2, localizada no bairro do Calundo, na cidade do Huambo, está a pedir apoio material e financeiro para cobrir e apetrechar as seis salas construídas pela comunidade local, para ter as condições indispensáveis que viabilizem o arranque do ano lectivo que se avizinha.

A direcção da escola primária nº 2, localizada no bairro do Calundo, na cidade do Huambo, está a pedir apoio material e financeiro para cobrir e apetrechar as seis salas construídas pela comunidade local, para ter as condições indispensáveis que viabilizem o arranque do ano lectivo que se avizinha.
De acordo com dados avançados ontem pelo director da escola, Paulo Kosengue, ao Jornal de Angola, as seis salas construídas com a participação de professores e encarregados de educação necessitam de cobertura, portas, janelas, pavimentação, reboque, pintura, quadros pretos e carteiras.
A escola primaria nº 2 recebe anualmente 2.250 alunos, disse o director, para quem a tendência é aumentar o número de candidatos às poucas vagas ali disponíveis.
A construção das referidas salas surgiu no âmbito de um apelo que os responsáveis escolares fizeram para que a população participasse nos esforços das autoridades locais para diminuir o número de crianças fora do sistema normal de ensino no município do Huambo.

Tempo

Multimédia