Províncias

Faculdades partilharam conhecimentos

Victória Quintas | Huambo

A ciência é o pilar sólido para uma província como o Huambo, que todos os dias trilha caminhos novos, rumo ao desenvolvimento, disse ontem, na cidade do Huambo, o director provincial da Educação.

Sampaio do Amaral falava num encontro científico para a troca de experiências, promovido pelas unidades orgânicas da Universidade José Eduardo dos Santos, no âmbito da celebração dos 103 anos da cidade do Huambo.
Para uma sociedade melhor, Sampaio do Amaral sublinhou a necessidade da contribuição de todos para se continuar a edificar esta a cidade do Huambo. “Todos os dias precisamos de injectar sangue novo nesta veia que se chama capital do conhecimento para que rejuvenesça”.
O director provincial da Educação acrescentou que a província do Huambo é fértil para a ciência, agricultura, saúde e indústria, em tudo o que se precisa para se firmar.
 A vice-reitora da Universidade José Eduardo dos Santos para a área científica, Virgínia Quartin, considerou o encontro uma  oportunidade para fomentar a partilha de conhecimentos e lembrou que os temas apresentados estão alinhados com as políticas nacionais, são actuais e podem trazer contributos para o desenvolvimento de várias áreas de interesse.
“Somos uma Universidade presente, comprometida com o ensino, investigação e extensão com o progresso do país, a melhoria da vida da população e com cumprimento das orientações do patrono da nossa Universidade, o Presidente da República, José Eduardo dos Santos”, disse a vice-reitora.
Temas como a “Importância do crédito bancário para o desenvolvimento da cidade do Huambo”, a “Importância da educação fiscal e tributária para o crescimento da província” dominaram o encontro.   “A mulher e a economia doméstica”, “Planificação correcta dos recursos financeiros e materiais da família para uma eficiente gestão da vida doméstica” e “Poupança e despesas imprevistas” foram também debatidas no encontro.

Tempo

Multimédia