Províncias

Faltam instrutores nos centros locais do Planalto Central

Juliana Domingos | Huambo

O centro de formação profissional Fadário Muteka, no Huambo, precisa de mais instrutores para garantir a formação dos 468 instruendos, disse a sua directora pedagógica.

Florinda Rosa afirmou que o centro tem também falta de carteiras, máquinas e de transporte para funcionários e formadores.
Do número de alunos inscritos, 400 terminaram no primeiro semestre deste ano o primeiro ciclo dos cursos de Administração, Electricidade, Informática, Electrónica, Pedreira, Mecânica e Serralharia. Segundo Florinda Rosa muitas pessoas formadas no centro já conseguiram o primeiro emprego.

Tempo

Multimédia