Províncias

Governo recolhe bens para acudir vítimas da seca

Marcelino Wambo/Huambo

Uma campanha de recolha de donativos para apoiar as vítimas da seca nas províncias do Cunene e Huíla foi aberta segunda-feira na cidade do Huambo, em acto orientado pelo vice-governador para o sector Político, Social e Económico, José Cornélio.

População está a doar bens não perecíveis e dinheiro
Fotografia: Santos Pedro| Edições Novembro

A campanha, que decorrerá sob o lema “Huambo-Semente da Solidariedade”, visa angariar bens de primeira necessidade e recursos financeiros.
O vice-governador manifestou-se confiante no êxito da campanha, por acreditar no “bom senso, amabilidade e forma de estar da população do Huambo, que está abalada pelos irmãos atingidos pela estiagem”. Disse que conta ainda com o auxílio de entidades religiosas, tradicionais e da classe empresarial.
Na província do Cunene, onde a seca já provocou a morte de 26 mil animais, 87 mil famílias estão afectadas pela falta de alimentos.

Tempo

Multimédia