Províncias

Governo constrói habitações para funcionários comunais

Justino Vitorino| Huambo

O governo provincial do Huambo vai construir, nos próximos meses, 200 residências para quadros da função pública das comunas de Catabola e Tchilata, no município do Longonjo, afirmou o governador da província durante uma visita que realizou, na segunda-feira, àquelas localidades.

O governo provincial do Huambo vai construir, nos próximos meses, 200 residências para quadros da função pública das comunas de Catabola e Tchilata, no município do Longonjo, afirmou o governador da província durante uma visita que realizou, na segunda-feira, àquelas localidades.
Faustino Muteka realçou que o governo, no quadro da sua política de fomento habitacional, pretende construir cem residências em cada uma das comunas, para os funcionários que trabalham naquelas circunscrições, e assim garantir a permanência deles nos locais de trabalho. No final da visita, durante a qual constatou o grau de execução de algumas obras sociais e a situação socio-económica das localidades, o governador disse aos jornalistas que o seu executivo está apostado em fortalecer, investir e criar condições de desenvolvimento das comunas.
“Temos de fortalecer e investir nas comunas, porque elas estão despidas das pessoas que devem desenvolver as actividades do Estado, por não terem condições”, salientou.  Na comuna da Tchilata, o governador passou em revista o estado das infra-estruturas rodoviárias e da situação económica, tendo ainda reunido com os membros da administração comunal e com as autoridades tradicionais.  

Tempo

Multimédia