Províncias

Hipopótamos destroem campos agrícolas

Uma média de vinte hectares de culturas de milho, feijão, batata-doce, rena e abóbora está a ser destruída por hipopótamos, desde o princípio do mês, na aldeia do Kaliweke, no Huambo.

Uma média de vinte hectares de culturas de milho, feijão, batata-doce, rena e abóbora está a ser destruída por hipopótamos, desde o princípio do mês, na aldeia do Kaliweke, no Huambo.
De acordo com o administrador da comuna de Chiumbo, José Tchissaluquila, a manada de hipopótamos, proveniente do rio Có, invade diariamente as culturas dos camponeses, afirmando que o nível da colheita da presente época agrícola poderá ser baixo por causa da destruição das plantações, p­rin­cipalmente na al­de­ia ­do ­ Ka­liweke. Os hipopótamos já devastaram culturas de pelo menos 30 famílias camponesas da aldeia do Kaliweke.

Tempo

Multimédia