Províncias

Hotel Roma Ritz aposta na qualidade

Localizado na rua Craveiro Lopes, parte baixa da cidade do Huambo, o Hotel Roma Ritz, um dos mais emblemáticos do Planalto Central serve a sua clientela há mais de quase quatro anos.

O Hotel Roma Ritz oferece aos clientes serviço profissional e instalações modernas com quartos confortáveis mobilados com gosto e requinte
Fotografia: Rogério Tuti

Localizado na rua Craveiro Lopes, parte baixa da cidade do Huambo, o Hotel Roma Ritz, um dos mais emblemáticos do Planalto Central serve a sua clientela há mais de quase quatro anos. Propriedade do grupo Ritz  – que possui mais seis unidades espalhadas pelo país -, o Roma Ritz foi galardoado no dia 7 de Março de 2011 com a medalha de ouro do prémio internacional.
 "A Qualidade", que todos os anos é realizado em Genebra, na Suiça, pela organização Century Internacional Quality.
Um prémio que deixa radiante o gerente da unidade hoteleira José Manuel dos Santos Cristóvão, que afirma ser tal conquista “ fruto do empenho e dedicação de todos os trabalhadores do Roma Ritz, que procuram no seu dia-a-dia laboral oferecer o maior conforto a clientela do nosso hotel”.
Inaugurado em 5 de Agosto de 2007, o Hotel Roma Ritz apresenta-se como um dos cartões postais do hoteleiro na província do Huambo, fruto da qualidade dos serviços que presta. Instalado num edifício de três andares, a unidade oferece aos seus clientes 57 quartos, todos eles mobilados a preceito, sendo três suites executivas, seis suites juniores, 24 quartos casal e igual número de quartos duplos. TV por satélite e internet de banda larga, duas grandes invenções da ciência moderna, também fazem parte do “cardápio” do Roma Ritz.
O Hotel faz ainda “room-service” e possui duas salas para conferências, sendo uma com capacidade para 70/80 pessoas e uma outra mais restrita com capacidade para acolher 20 pessoas.
O restaurante com 45 lugares é a “jóia da coroa” da casa, explica o gerente João Manuel dos Santos Cristóvão. “Dispomos de uma cozinha de nível internacional bastante elogiada pelos nossos clientes. Serve desde os pratos ocidentais aos orientais, sem descorar a tradicional gastronomia angolana, bastante solicitada nos finais de semana”. Simpatia e eficiência, descreve o gerente do Roma Ritz, é o “slogan” da casa, facto este reflectido nos 59 trabalhadores da unidade hoteleira (25 homens e 24 senhoras), que das 6 às 10 horas da manha servem com exuberância o pequeno almoço requintado. Das 12 às 14 horas é servido o almoço todos os dias com uma novidade do grande chefe de cozinha.
À disposição do cliente existe também o serviço a carta, em que o cliente pode escolher algo diferente e ao seu gosto, fora da sugestão do “grande chefe”, afirma satisfeito João Manuel Cristóvão.
Os preços por quarto variam dos 45 mil e 120 kwanzas para a suite executiva; a suite júnior custa o preço 20 mil 640 kwanzas, o quarto de casal 20 mil 160 kwanzas, o duplo 22 mil e 560 kwanzas e o quarto individual 16 mil kwanzas.
Ainda este ano, o grupo Ritz pretende investir forte no alargamento das infra-estruturas do Roma Ritz, com a construção de mais 48 quartos, um restaurante e um parque de estacionamento subterrâneo. Está ainda previsto a construção de uma piscina e de um ginásio, tudo em nome do serviço de qualidade que a rede de hotéis Ritz presta a sua mais diversificada gama de clientes por esta Angola fora.

Tempo

Multimédia