Províncias

Indicadores de saúde são positivos

O relatório do primeiro Inquérito de Indicadores Múltiplos e de Saúde (IIMS), realizado entre 2015 e 2016, pelo Instituto de Estatística, espelha dados positivos sobre a realidade do Huambo, com realce para a situação epidemiológica da malária.

Assistência à população está a registar melhorias
Fotografia: Edições Novembro |

A informação foi prestada ontem, na província do Huambo, pela chefe do Departamento de Estatísticas Demográficas e Sociais do Instituto Nacional de Estatística (INE), Margarida Lourenço, durante a apresentação do documento aos membros do Governo local, num encontro presenciado pelo governador João Baptista Kussumua.
Margarida Lourenço disse que o destaque na província recai para a situação epidemiológica da malária, onde os resultados apontam para um por cento da população da província, contabilizada em 2.019.555 habitantes.

Tempo

Multimédia