Províncias

Interesse por aprender está sempre a aumentar

Justino Vitorino | Huambo

Entre 2009 e 20011 foram alfabetizadas 12.165 pessoas na província do Huambo, revelou na quarta-feira o director provincial da Educação.

Entre 2009 e 20011 foram alfabetizadas 12.165 pessoas na província do Huambo, revelou na quarta-feira o director provincial da Educação.
Manuel Amaral salientou que, em 2009, o número de alfabetizados era de seis mil, mas dois anos depois as cifras subiram aos 18.165. O soba do sector de Cambiote, comuna da Calima, Albano Sambongue, reconheceu que a sua jurisdição beneficiou da construção e reabilitação de escolas, hospitais, centros e postos médicos e estradas, garatindo, deste modo, melhores condições de vida dos habitantes.
Para ele, a construção de mais estabelecimentos de ensino na sua jurisdição está a permitir a redução significativa de muitos alunos fora do sistema normal de ensino e aprendizagem.
“Anteriormente, as crianças estudavam em condições pouco dignas, por causa da insuficiência de salas de aulas. Mas, fruto da paz, muita coisa mudou, uma vez que já temos escolas do II ciclo do ensino secundário em funcionamento”, realçou.

Tempo

Multimédia