Províncias

Jovens doam sangue ao Hospital Central

Juliana Domingos | Huambo

Jovens do Movimento Nacional Espontâneo (MNE) e da Igreja Adventista do Sétimo Dia doaram sangue, na terça-feira, à hemoterapia do Hospital Central do Huambo, para assinalar o Dia Internacional da Criança.

A pediatria é uma das áreas do hospital que continua a precisar de sangue
Fotografia: Jornal de Angola

Jovens do Movimento Nacional Espontâneo (MNE) e da Igreja Adventista do Sétimo Dia doaram sangue, na terça-feira, à hemoterapia do Hospital Central do Huambo, para assinalar o Dia Internacional da Criança.
Júlio de Azevedo, responsável da associação dos doadores do MNE disse que o grupo é formado por 30 membros e tem como objectivo ajudar as crianças desfavorecidas.  “Considero ser um dever moral ajudar o próximo”, afirmou.
Por seu turno, Samuel Sabino Paulino, responsável pelo grupo dos filhos de pastores da Igreja Adventista do Sétimo Dia, disse que o gesto serve para minimizar algumas carências que o hospital enfrenta, principalmente na área das crianças. Domingos Enoke, um dos dadores, disse que doa sangue para ajudar os mais carenciados e salvar vidas. “Apelo a todos os cidadãos a fazerem o mesmo, para que mais pessoas sejam salvas e ajudar o governo na resolução de alguns problemas”.
A responsável da hemoterapia, Amélia dos Santos Ventura, agradeceu o gesto dos jovens e afirmou que o hospital necessita de sangue, sobretudo no serviço de pediatria. 

Tempo

Multimédia