Províncias

Mais residências para funcionários são inauguradas

Uma residência para os médicos e enfermeiros em serviço no município do Chinjenje, a 118 quilómetros da cidade do Huambo, e outra para os efectivos do comando local da Polícia Nacional, foram inauguradas nesta circunscrição.

Uma residência para os médicos e enfermeiros em serviço no município do Chinjenje, a 118 quilómetros da cidade do Huambo, e outra para os efectivos do comando local da Polícia Nacional, foram inauguradas nesta circunscrição.
Inseridas no programa integrado de desenvolvimento rural e combate à fome, as residências possuem condições dignas para a acomodação dos beneficiários e vão suprir o défice habitacional neste município.
A administração do Chinjenje aplicou, para a construção da casa dos médicos e enfermeiros, 44 milhões de kwanzas (incluindo o apetrechamento) e as obras para a sua edificação duraram oito meses.
A residência dos efectivos da Polícia Nacional, construída em três meses, custou aos cofres da administração local 17 milhões e 400 mil kwanzas.
O chefe da repartição municipal de estudos e planeamento, Abel Feliciano, lembrou que a falta de residências para os funcionários tem sido apontada como a principal causa de absentismo de trabalhadores nas instituições públicas.
Disse que os médicos em serviço neste município estavam alojados na vila municipal do Longonjo, a 54 quilómetros, razão pela qual algumas vezes chegavam muito atrasados aos seus consultórios.

Tempo

Multimédia