Províncias

Mulheres e as crianças são as principais vítimas

Adolfo Mundombe| Huambo

A directora do Huambo da Família e Promoção da Mulher revelou, ao Jornal de Angola, que o centro de aconselhamento da província registou, no primeiro semestre, 600 casos de violência doméstica, 329 deles solucionados por acordo dos envolvidos.

A directora do Huambo da Família e Promoção da Mulher revelou, ao Jornal de Angola, que o centro de aconselhamento da província registou, no primeiro semestre, 600 casos de violência doméstica, 329 deles solucionados por acordo dos envolvidos.
Maria do Rosário Amadeu disse que as mulheres são as vítimas em maior número e que as principais causas da violência no género relacionam-se com a falta de assistência, abandono do lar, fuga à paternidade, desalojamento, chantagens, ofensas corporais e morais, privação de bens e de liberdade e adultério.
“O número de ocorrências que chegam ao centro pode ser assustador, mas é ainda muito pouco porque acontecem mais casos nos arredores da cidade e nas comunas, que são encaminhados para as autoridades tradicionais e Polícia Nacional para serem solucionados e isso significa que a população quer quebrar o silêncio”, frisou.   O objectivo do centro, referiu, é mostrar a via certa para ultrapassar os problemas que afligem os lares e dar-lhes o devido tratamento e solução.
Os casos de violência doméstica, lembrou, são tanto de homens contra mulheres, como de mulheres contra os homens e uns e outros são graves. 
Maria do Rosário Amadeu disse que os casos de violência contra os homens, protagonizados por mulheres, “têm sido mais fatais” e podem estar relacionados “com o rancor acumulado por muitos maus-tratos”.
A Direcção da Família e Promoção da Mulher tem como parceiros a Polícia Nacional, a Procuradoria-Geral da República, tribunais, sociedades de mulheres das igrejas, organizações e associações femininas, como a OMA, que, frisou, antes da criação do centro de aconselhamento desempenhou um papel preponderante na resolução dos problemas no lar.

Tempo

Multimédia