Províncias

Mulheres realizam campanha de doação voluntária de sangue

Estácio Camassete | Huambo

Mais de cem mulheres doaram sangue, durante o dia de ontem, na secção de hemoterapia do Hospital Central do Huambo, no quadro das comemorações da Jornada Março Mulher.

Mais de cem mulheres doaram sangue, durante o dia de ontem, na secção de hemoterapia do Hospital Central do Huambo, no quadro das comemorações da Jornada Março Mulher.
A directora provincial da Família e Promoção da Mulher (instituição que organizou a campanha), Maria do Rosário Amadeu, disse que a acção teve por objectivo ajudar a diminuir a falta de sangue nas instituições de saúde, particularmente nesta altura em que o índice de acidentes rodoviários aumentou.  “Mobilizámos mulheres de todos os estratos sociais, com referência para os movimentos femininos das igrejas do Huambo, das organizações das mulheres e de voluntárias, para participarem nesta campanha.  Trata-se de um gesto humanista que vai ajudar vários doentes,” realçou.
A actual Miss Huambo, Beth Prata, que também doou sangue, considerou ter praticado um gesto de caridade e solidariedade para com pessoas doentes e apelou aos jovens para fazerem o mesmo. Juntou-se a esta mobilização um efectivo da Quarta Região Militar Centro, das Forças Armadas Angolanas, composto por 80 voluntários.
O capitão Francisco Pedro Belchior disse que a sua região militar mobilizou 160 efectivos, divididos em dois grupos: parte deles doou sangue ao Hospital Central e a outra parte ao Hospital Militar. A presidente da Associação para o Apoio da Mulher Polícia de Angola (AAMPA), Emília Ngalo, disse que a sua agremiação também mobilizou mais de 40 mulheres polícia para a doação.   Joel José, chefe adjunto da secção de hemoterapia do hospital, afirmou que com a referida doação as reservas aumentaram consideravelmente. Ele exortou outras instituições a seguirem o exemplo da Direcção Provincial da Família e Promoção da Mulher.
 O acto de doar sangue é “dar vida”, disse Joel José, que referiu igualmente que a campanha efectuada pela Direcção Provincial da Família e Promoção da Mulher foi uma das mais bem sucedidas  dos últimos tempos em toda província do  Huambo.

Tempo

Multimédia