Províncias

Novas casas para técnicos

Os quadros administrativos do município do Chinjenje, a 118 quilómetros da cidade do Huambo, beneficiam desde ontem de mais duas residências, inauguradas pelo administrador local, Mateus Sanjala.

Administrador do Chinjenje inaugura mais duas moradias para quadros administrativos
Fotografia: Jornal de Angola

Os quadros administrativos do município do Chinjenje, a 118 quilómetros da cidade do Huambo, beneficiam desde ontem de mais duas residências, inauguradas pelo administrador local, Mateus Sanjala.
As residências foram construídas no âmbito do programa de desenvolvimento rural e de combate à pobreza, tendo custado aos cofres da administração local 14 milhões de kwanzas.
O administrador do Chinjenje disse na ocasião que cada uma das casas é ocupada por seis trabalhadores, que antes eram obrigados a voltar no mesmo dia à cidade do Huambo, onde moram, por não existirem condições de hospedagem no município. Mateus Sanjala anunciou que ainda este mês arrancam as obras de construção de mais seis casas, sendo que a meta da administração é erguer uma residência para cada um dos funcionários.
O administrador municipal do Longonjo, António Caviendi, discursou no domingo, no acto de encerramento das festas da vila e disse ser imprescindível que cada um dos habitantes dê o seu contributo, para que unidos se possa resolver todos os problemas da população.  “É necessário que cada um de nós dê o seu contributo e tenhamos a consciência de que só unidos podemos melhorar as condições sociais das nossas populações”, aconselhou. A vila do Longonjo completou domingo 49 anos de existência.

Tempo

Multimédia