Províncias

Novos equipamentos inaugurados em breve

Justino Victorino | Huambo

As quatro pontes metálicas erguidas sobre os rios Cussesse, Chiuvi, Cutangui, Vindica e Tinguita vão ser entabertas ao trânsito no município do Londuimbali, anunciou ontem o vice-governador provincial do Huambo para o sector Económico.

Abertura da ponte vai permitir uma melhor circulação de pessoas e bens na região
Fotografia: Dombele Bernardo

Joaquim Rodrigues da Conceição salientou que, além das infra-estruturas rodoviárias, uma outra ponte vai ser inaugurada na estrada que liga  Ecunha a Cambala.
Os municípios da província vão ganhar igualmente outros empreendimentos, com destaque para centenas de fogos habitacionais, nos municípios de Ecunha, Mungo, Chinjenje e Cachiungo.
Estão em construção escolas e residências para os técnicos do sector, uma biblioteca provincial, totalmente equipada com meios e tecnologia de ponta, com capacidade para dez mil livros e uma fábrica de refrigerantes, na zona do Cambiote.
A inauguração da estrada secundária que liga a comuna do Chipeio, Ecunha, com o município do Londuimbali, está para breve. O vice-governador do Huambo disse que as novas infra-estruturas surgem no âmbito das acções que visam a melhoria das condições de vida das populações da região.
“Estas novas infra-estruturas sociais que são entregues aos habitantes da província do Huambo vão também proporcionar um crescimento económico ao nosso país, em particular aos municípios da província”, afirmou Joaquim Rodrigues. O vice-governador pediu a participação de todos os angolanos nos festejos do 11 de Novembro, a assinalar-se, nesta terça-feira, e a reflectirem sobre a contribuição que cada um deve dar à reconstrução nacional e ao desenvolvimento económico e social do país.

Centro de Saúde

As populações da comuna da Chilata, no município do Longonjo, província da Huíla, vai dispor de um centro de saúde que vai atender pacientes de todos os bairros da circunscrição.
Com capacidade para atender entre 15 a 20 doentes, diariamente, a nova unidade sanitária conta com serviços de obstetrícia, medicina, pediatria, puericultura, farmácia, laboratórios e enfermarias.
Dezenas de técnicos, entre básicos e médios, fazem parte do quadro funcional da respectiva unidade sanitária, que  passa a trabalhar durante 24 horas.

Tempo

Multimédia