Províncias

Professores sem salários por um erro nas Finanças

Tatiana Marta|Huambo

Mais de 30 professores do Huambo ainda não receberam salários este ano devido a um erro técnico na Direcção Provincial das Finanças, revelou, quinta-feira, nesta cidade, o director da Educação, Ciência e Tecnologia.

Alunos vão ter mais professores
Fotografia: Jornal de Angola

Mais de 30 professores do Huambo ainda não receberam salários este ano devido a um erro técnico na Direcção Provincial das Finanças, revelou, quinta-feira, nesta cidade, o director da Educação, Ciência e Tecnologia. Felisberto Mona disse ter havido um erro técnico no sistema das Finanças, que motivou o não processamento dos salários destinados a mais de 36 professores, de vários níveis de ensino, por os seus nomes não constarem das folhas de salário. />Felisberto Mona garantiu que o sector da Educação está a trabalhar com o Ministério das Finanças para resolver a situação.
Os salários em atraso, disse, vão ser pagos de uma só vez logo que seja resolvida a questão.
O director provincial da Educação anunciou, por outro lado, que mais seis mil novos professores aguardam admissão, no âmbito do concurso público realizado recentemente, para reforçarem o ensino nos municípios e comunas.

Tempo

Multimédia