Províncias

Programa reforçado nas zonas rurais no Huambo

Justino Vitorino | Huambo

Mais bairros periféricos da cidade do Huambo passaram a beneficiar de água potável, com a instalação de oito novos sistemas de captação e distribuição, anunciou ontem o administrador do município sede daquela província.

Água já jorra nas torneiras
Fotografia: Nilo Mateus | Edições Novembro

Victor Tchissingui salientou que os sistemas, executados no âmbito do programa “Água para Todos”, vai abranger as populações dos bairros Capilongo, Sanangote e Capingãla.
O administrador municipal do Huambo disse que o programa, além de beneficiar os bairros periféricos acima citados, vai igualmente abranger outras populações das sedes comunais, ombalas e aldeias.
Victor Tchissingui explicou que a instalação de mais sistemas de captação e distribuição de água às distintas localidades da província consta entre as prioridades do Executivo, com o objectivo de incentivar a população a consumir água potável, melhorar e preservar a saúde.
O administrador municipal espera ainda que a construção dos novos sistemas de captação e tratamento de água estejam asseguradas condições fundamentais para se diminuir as doenças de fórum hídrico, que eram resultantes do consumo de produto impróprio.
No âmbito do mesmo programa, prevê-se ainda este mês a inauguração de mais 22 outros sistemas na sede da província, anunciou o administrador municipal do Huambo.
Victor Tchissingui avançou ainda que mais de 19 mil ligações domiciliares já foram concluídas e estão a abastecer água potável às populações dos bairros periféricos de São João, Calomanda e São Pedro. O administrador considerou que a expansão da rede de distribuição à cidade é um trabalho de grande envergadura.O regedor do bairro de Sanangote,  Bernado Cavisesse, manifestou satisfação pela entrada em funcionamento dos sistemas, tendo em conta que ficam para trás os dias em que a população consumia apenas das cacimbas para dar lugar a água de fontenários.

Tempo

Multimédia