Províncias

Pulverização domiciliar levada a cabo no Huambo

Juliana Domingos| Huambo

Um programa de pulverização intra-domiciliar, com vista à redução dos casos de malária, está a ser levado a cabo na cidade do Huambo pelo Governo Provincial.

Governo trava índice de mortalidade por malária
Fotografia: Domingos Cadência

Um programa de pulverização intra-domiciliar, com vista à redução dos casos de malária, está a ser levado a cabo na cidade do Huambo pelo Governo Provincial.
O director provincial da Saúde, Frederico Juliana, mostrou-se satisfeito com a colaboração das populações durante a campanha, iniciada entre Novembro e Dezembro do ano passado, e garantiu que o programa vai abranger todos os municípios da província.
Depois do Huambo, o próximo município a beneficiar da campanha vai ser o Bailundo, uma vez que o principal objectivo da actividade é reduzir os índices de mortalidade por malária e erradicar a doença, nos próximos anos.
Até agora, milhares de casas foram pulverizadas, numa acção que conta com a participação de voluntários da direcção provincial da Saúde e outros parceiros, no sentido de acabar com os mosquitos, baratas e outros insectos causadores de diversas enfermidades, com destaque para a malária.
Frederico Juliana salientou que a direcção provincial da Saúde, em colaboração com as populações, pretende criar mecanismos que se traduzam na redução do paludismo e outras doenças, através, também, da distribuição de mosquiteiros a crianças menores de cinco anos e a mulheres grávidas.
O director pediu às autoridades tradicionais, administradores municipais e comunais, para intensificarem as campanhas de sensibilização das populações sobre a importância da pulverização intra-domiciliar.

Tempo

Multimédia