Províncias

Resgate de valores morais está entre as prioridades

Tatiana Marta | Huambo

A chefe de Departamento para a política familiar da Direcção Provincial da Família e Promoção da Mulher no Huambo, Ágata Vitumbo, disse sábado que a família, como base fundamental da sociedade, deve merecer maior atenção das instituições, principalmente religiosas, na educação e resgate dos valores morais e cívicos.

Temas ligados à família em debate no Huambo
Fotografia: João Gomes |

A chefe de Departamento para a política familiar da Direcção Provincial da Família e Promoção da Mulher no Huambo, Ágata Vitumbo, disse sábado que a família, como base fundamental da sociedade, deve merecer maior atenção das instituições, principalmente religiosas, na educação e resgate dos valores morais e cívicos.
Ágata Vitumbo, que falava na abertura da jornada da Família, que decorre este ano sob o lema “O Papel da família na prevenção de condutas desviantes”, realçou o papel da família na condução e orientação dos filhos, adolescentes e jovens, visando a construção de uma sociedade sadia e democrática.
A jornada vai servir para reflectir mais uma vez sobre a problemática da delinquência infanto-juvenil, os mecanismos de prevenção e reforçar as competências das famílias na prevenção de desvios, reforçar a mensagem de união, respeito e compreensão.
Outro papel da jornada é debater e desencorajar as atitudes negligentes dos pais na fase crucial de crescimento e desenvolvimento das crianças, avaliar o grau de cumprimento das recomendações saídas da XVI sessão do Conselho Nacional da Família e o papel do Estado na moralização das instituições e da sociedade. “A importância da educação moral, ética e cívica nos níveis de ensino”, “Perfil e dignificação da figura do educador na sociedade”, “Orientação da família face à aculturação”, “Principais habilidades e competências para a protecção da criança” são, entre outros, temas a debater na cidade do Huambo, durante a jornada em saudação ao 20º aniversário da proclamação do Ano Internacional da Família, que se celebra no próximo dia 15.
A jornada da Família estende-se até ao dia 29 de Maio e durante este período vários outros temas são debatidos pelos representantes de vários estratos sociais, com vista a promover o resgate de valores morais, cívicos, étnicos e culturais, a solidariedade e espírito de cooperação e de inter-ajuda entre as famílias, na condução e orientação das crianças, adolescentes e jovens.

Tempo

Multimédia