Províncias

Saneamento reforçado com meios no Huambo

Adolfo Mundombe | Huambo

O saneamento básico e as condições sanitárias da cidade do Huambo são intensificadas e melhoradas, este ano, com a entrega, à administração municipal, de mais meios para a recolha e tratamento de resíduos sólidos.

Bairros do Huambo cada vez mais limpos
Fotografia: Paulo Mulaza| Edições Novembro

A Administração Municipal do Huambo recebeu do Governo da província um camião compactador de lixo, dois tractores com atrelados e 134 contentores para a recolha de lixo, no sentido de melhorar o saneamento na zona urbana e arredores.
Neste novo modelo, o cidadão coloca o lixo no saco e leva-o para local indicado pela administração municipal, onde é recolhido e levado para a área de tratamento.
No acto de entrega dos meios, o governador provincial João Baptista Kussumua sublinhou que, para uma boa gestão e recolha de lixo na cidade, é preciso que os dirigentes de cada área se prontifiquem, criem grupos de trabalho e a cada grupo seja indicado um responsável que passa a fiscalizar a operação, para que, em conjunto com as populações, se possa manter a cidade limpa e organizada.  “Mãos à obra é o lema que se exige para o bom saneamento, não queremos ver mais as sarjetas entupidas, nem capim ao longo do tapete asfáltico aqui dentro da cidade, vamos trocar espaços de aglomerado de lixo por flores, os meios são mínimos, mas com uma boa gestão não teremos mais lixo na nossa cidade”, garantiu o governador.
O administrador municipal do Huambo, Irineu Sacaala, reconheceu que os novos meios recebidos do governo da província vão contribuir para dar resposta aos anseios das populações de ver uma cidade cada vez mais limpa, organizada e criar uma boa imagem à cidade. O horário de recolha de resíduos é das 7h00 às 9h00.

Tempo

Multimédia