Províncias

Todos os municípios vão ter silos de milho

Tatiana Marta| Huambo

 O Grémio dos Produtores e Comerciantes de Milho de Angola (Epungu) vai construir, até ao próximo ano, armazéns e silos em todos os municípios do Huambo, disse, ao Jornal de Angola, uma fonte da instituição de agricultores.

O Grémio dos Produtores e Comerciantes de Milho de Angola (Epungu) vai construir, até ao próximo ano, armazéns e silos em todos os municípios do Huambo, disse, ao Jornal de Angola, uma fonte da instituição de agricultores.
O director regional do Grémio para o Huambo e Bié afirmou que  vão ser investidos cerca de três milhões de dólares para concretizar o projecto, já foi aprovado pelo governo provincial, que visa a promoção do comércio do comércio rural.Daniel Tchissoka referiu que a aquisição e comercialização de milho, através da central de compras, órgão económico, recentemente criado pelo Executivo, está na base da construção de novos armazéns e silos pelo Epungu.
O tamanho dos armazéns, frisou, variam de acordo com as possibilidades produtivas de cada município.
O Epungu tem registados 300 associados no Huambo e 150 na província do  Bié.

Tempo

Multimédia