Províncias

Agrovilas são criadas no município

Arão Martins| Lubango

O administrador municipal do Lubango, Francisco Barros, anunciou ontem a criação em breve de pequenas vilas agrícolas, denominadas "agrovilas", nas comunas da Huíla, Arimba, Hoque e Quilomba.

Lubango aposta no sector Agricultura
Fotografia: Arimateia Baptista| Lubango

As autoridades e parceiros procedem ao levantamento de todas as terras aráveis do município do Lubango, onde são constituídas as pequenas vilas agrícolas.
As áreas compreendem mais de dois hectares, tendo em conta a capacidade das famílias, para terem uma área de cultivo aceitável.
A Administração Municipal do Lubango está a adquirir alfaias agrícolas. As agrovilas permitem proporcionar o fomento e a melhoria da actividade do campo pelas famílias.
A agricultura faz parte do cronograma de acções do programa estruturado e a Administração Municipal do Lubango controla mais de 15 associações de camponeses, através da repartição da Agricultura e da Estação de Desenvolvimento Agrário (EDA).
Os associados recebem crédito agrícola, que está a mudar de vida da população, além da aquisição, numa primeira fase, de 200 charruas, 20 carroças de tracção animal e mil árvores de fruto.

Tempo

Multimédia