Províncias

Apoio à produção agrícola com armazém comunitário

Domingos Mucuta| Chibia

Camponeses filiados em associações e cooperativas da comuna de Capunda Cavilongo, no município da Chibia, na Huíla, dispõem de novo armazém comunitário para conservar os produtos agrícolas.

Foram criadas melhores condições para a conservação de produtos agrícolas na região
Fotografia: Arimateia Baptista| Capunda Cavilongo

O estabelecimento, terceiro do seu género, foi inaugurado pelo vice-governador para o sector produtivo, Sérgio da Cunha Velho, e dispõe de um espaço de 120 metros quadrados para armazenar milho, massango, massambala, ginguba, feijão, batata-doce e hortaliças.
O responsável local da Agricultura, António Sapalo, disse que o novo armazém, orçado em cerca de 5,2 milhões de kwanzas, melhora as condições de armazenamento de alimentos e alfaias agrícolas, numa altura em que as estimativas apontam para uma boa colheita na época agrícola 2013-2014.
António Sapalo informou que mais de 25 mil hectares estão preparados e distribuídos aos camponeses para aumentar o cultivo de milho, massango, massambala, ginguba, feijão, batata-doce e rena, bem como hortícolas diversos, no âmbito do programa de combate à fome e redução da pobreza.
O responsável da Agricultura acrescentou que a presente campanha agrícola envolve 4.297 pequenos agricultores, filiados em 37 associações e nove cooperativas de camponeses, assegurando que a Estação de Desenvolvimento A­grá­rio tem todas as condições para a época agrícola e os camponeses foram apoiados com charruas, enxadas, catanas, sementes diversas e parcelas de terra.

Tempo

Multimédia