Províncias

Biblioteca multimédia é construída na Huíla

Uma biblioteca multimédia para apoiar o ensino médio e superior no processo de investigação científica começa a ser construída, a partir do próximo mês, na cidade do Lubango, pelo Ministério de Ciência e Tecnologia.

Vice-ministro da Ciência e Tecnologia e equipa que o acompanhou ao Lubango
Fotografia: Arimateia Baptista

Uma biblioteca multimédia para apoiar o ensino médio e superior no processo de investigação científica começa a ser construída, a partir do próximo mês, na cidade do Lubango, pelo Ministério de Ciência e Tecnologia.
O projecto faz parte de uma rede de seis bibliotecas multimédia que o Governo vai construir, este ano, nas províncias do Huambo, Benguela, Luanda, Malange e Lunda-Sul, além da Huíla.
O vice-ministro da Ciência e Tecnologia, Pedro Teta, que adiantou a informação, está na província a chefiar uma comissão integrada, entre outras individualidades, pela secretária de Estado para Assuntos Sociais do Presidente da República, Rosa Pacavira.
A biblioteca multimédia da província da Huíla, segundo o vice-ministro, está orçada em oito milhões de dólares e prevê beneficiar 250 mil pessoas por ano.
“O espaço surge para colmatar a procura de livros de consulta por parte dos estudantes e pesquisadores”, disse o vice-ministro.
Pedro Teta acrescentou que todas as bibliotecas a serem construídas nas referidas províncias vão ser apetrechadas com diversos meios de pesquisa, como Internet, informação digital, entre outros.
O governante sublinhou que, nesta altura, está a trabalhar com as autoridades provinciais para a localização de um espaço que esteja, preferencialmente, próximo de escolas médias ou universidades.
Depois da identificação do terreno, esclareceu, o próximo passo será o lançamento do concurso público para a escolha da empreiteira que vai executar o projecto com a qualidade desejada.
O estabelecimento da Huíla está projectado para ocupar um espaço de 210 mil metros quadrados e será multi-dimensional, com salas de informática, leitura, Internet, pesquisa e biblioteca digital.
Para o vice-govenador para a área social da Huíla, Sérgio da Cunha Velho, a iniciativa é louvável, na medida em que servirá de suporte para os estudantes, principalmente os do futuro campus universitário. Atendendo à importância de que a mediateca se reveste, o governo provincial vai colaborar na localização e cedência de um espaço no centro da cidade para implementar do projecto, garantiu o vice-governador da Huíla.

Tempo

Multimédia