Províncias

Bissapa com melhor assistência médica

Arão Martins |Bissapa

A população da Bissapa, comuna de Waba, Caconda, tem melhor assistência sanitária, com a entrada em funcionament, do primeiro centro de saúde construído de raiz.

Equipado com meios modernos, o centro de saúde, com capacidade para internar três doentes, foi inaugurado pelo governador João Marcelino Tyipinge, no âmbito das comemorações do Dia da Independência Nacional.
A unidade sanitária serve mais de cinco mil habitantes e foi construída com fundos do Programa Municipal Integrado de Desenvolvimento Rural e Combate à Pobreza. Tem farmácia, sala de vacinação, enfermaria para homens e mulheres, cadeia de frio, sala de curativos e consultório médico. Os trabalhos de construção do centro de saúde de Bissapa duraram 120 dias. Para a sua concretização, a Administração Municipal gastou 14 milhões de kwanzas.
Rita Nduluma, em nome da comunidade, agradeceu o esforço do governo em construir o centro de saúde, que vai fazer com que a população deixe de percorrer longas distâncias em busca de assistência médica.
O novo centro de saúde vai permitir melhorar a assistência sanitária, através da vacinação de rotina, cuidados pré-natal e a assistência ao parto. Vai servir cinco mil habitantes, distribuídos por 11 aldeias: Caluyombo, sede do sector de Bissapa, Santiago, Palanca I, II, Camassa, Holongui, Caimbula, Camunda, Calohoha, Joaquim e Cambulo Alto.
O administrador municipal de Caconda, Adão César, disse que, para o funcionamento regular do centro, a administração vai contratar novos técnicos, que se vão juntar aos seis enfermeiros que garantem a assistência à população.
No município, acrescentou, estão colocados médicos de clínica geral e pediatria, que vão passar a fazer consultas periódicas à população de Bissapa, a 40 quilómetros de Caconda.
Segundo Adão César, foram construídas unidades sanitárias nas comunas de Gungui, Cusse, Waba e sede municipal.

Tempo

Multimédia