Províncias

Currículo estudantil pesa na admissão ao ensino superior

Domingos Mucuta | Lubango

O currículo dos candidatos ao ensino superior na VI Região Académica pesa na admissão do estudante nos cursos das unidades orgânicas da Universidade Mandume ya Ndemofayo, anunciou  na cidade do Lubango, província da Huíla, o vice-reitor para o Sector Académico.

José Pedro disse ao Jornal de Angola que a média final do ensino médio registada nos certificados apresentados pelos candidatos vai ter um peso de 25 por cento no exame de admissão. 
O vice-reitor acrescentou que outra novidade tem a ver com o agrupamento dos exames de acesso em áreas de ciências exactas e engenharias, ciências sociais e biológicas e magistério primário.
“O processo está mais simplificado e vantajoso para os estudantes. Este ano, a universidade introduziu um novo modelo de provas por áreas e não por curso como nos anteriores. Os estudantes realizam um única prova e candidatam-se a mais opções”, disse. A mesma prova pode facilitar o ingresso do estudante nas áreas de engenharia civil ou metalúrgica. 
Outra novidade é a realização antecipada de sessões de orientação dos estudantes para a escolha e a inscrição nos cursos específicos.

Tempo

Multimédia