Províncias

Desmame precoce na Huíla está na base da má nutrição

O desmame precoce de bebés é a principal causa dos elevados casos de má nutrição que têm provocado a morte de centenas de crianças na Pediatria "Pioneiro Zeca", no Lubango, Huíla, disse o director provincial da Saúde.

Altino Matias, que falava num programa radiofónico local, a propósito do estado actual do sector na província, acrescentou que algumas mulheres têm estado a fazer o desmame dos seus filhos de forma precoce e às vezes de forma brusca, o que provoca má nutrição às crianças e muitas vezes a morte.
O director provincial da Saúde defendeu a necessidade de as mães serem educadas no sentido de evitarem o desmame precoce, na medida em que a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda às mulheres a amamentarem os seus filhos até  aos seis meses de idade.
"Dos seis meses em diante já se pode introduzir na dieta dos bebés outros suplementos sólidos, desde que sejam ricos em proteínas apropriadas para um desenvolvimento saudável, e desmamá-los definitivamente aos dois anos de idade", explicou Altino Matias.

Tempo

Multimédia