Províncias

Eleitos novos órgãos na Huíla

Domingas Mucuta | Lubango

A extensão e o fortalecimento dos núcleos municipais para a defesa e protecção dos direitos das crianças são os principais desafios dos novos órgãos executivos da Rede Criança na Huíla, eleitos no fim-de-semana, no Lubango, durante a assembleia de renovação de mandatos.

A extensão e o fortalecimento dos núcleos municipais para a defesa e protecção dos direitos das crianças são os principais desafios dos novos órgãos executivos da Rede Criança na Huíla, eleitos no fim-de-semana, no Lubango, durante a assembleia de renovação de mandatos.
O anúncio do programa para os próximos dois anos foi feito pelo novo elenco executivo da Rede, liderado pelo Sérgio Mateus, coadjuvado por Nazareth Zangui e Adelaide Mango.
O coordenador da Rede Criança na Huíla, Sérgio Mateus, disse que a instituição tem também o desafio de banir as constantes violações dos direitos das crianças na província. Acrescentou que a rede vai sensibilizar a sociedade, sobretudo os pais, tutores e encarregados de educação para evitarem o consumo exagerado de álcool, apontado como um dos principais factores que estão na base da violência doméstica, contra a criança e a fuga à paternidade.
“Temos o grande compromisso de trabalhar nos factores que estão na base da violência contra as crianças. A nossa responsabilidade deve ser redobrada enquanto membros da rede provincial de protecção da criança”, referiu.

Tempo

Multimédia