Províncias

Gambos ganha uma escola moderna

Estanislau Costa e André Amaro | Lubango

Ontem, nos Gambos, terra de criadores de gado, os huilanos tiveram razões para recordar a palavra de ordem do primeiro Presidente de Angola – o mais importante é resolver os problemas do povo – quando, no âmbito das comemorações do 17 de Setembro, viram ser inaugurada uma escola modernamente equipada para acolher crianças que estudavam debaixo de árvores 

A maior infra-estrutura escolar de ensino geral do município está preparada para acolher da iniciação à 6ª classe em dois períodos
Fotografia: André Amaro

Ontem, nos Gambos, terra de criadores de gado, os huilanos tiveram razões para recordar a palavra de ordem do primeiro Presidente de Angola – o mais importante é resolver os problemas do povo – quando, no âmbito das comemorações do 17 de Setembro, viram ser inaugurada uma escola modernamente equipada para acolher crianças que estudavam debaixo de árvores 
 As crianças do município dos Gambos, 1.100 ao todo, tiveram, ontem, Dia do Herói Nacional, a melhor prenda que podiam querer, uma escola nova, modernamente equipada, construída com fundos do Programa de Intervenção Municipal (PIM).
O estabelecimento de ensino, inaugurado pela governadora em exercício, Vitória da Conceição, no âmbito das comemorações do 17 de Setembro, tem 13 salas de aula, laboratórios de informática e ginásio, além de gabinetes para a direcção, tudo com mobiliário moderno.
A escola, cuja obra está orçada em 39,7 milhões de kwanzas, a maior de ensino geral nos Gambos, está preparada para acolher alunos, da iniciação à 6ª classe, nos períodos diurno e nocturno.
O estabelecimento que foi buscar o nome à vila, onde está, Chiange, sede do município, tem no laboratório de informática, modernamente equipado, a “grande atracção” dos Gambos, que passa a dispor de um centro de aprendizagem dos vários ramos da informática.
Alunos e encarregados de educação do Chiange não cabiam em si de contentes e não se cansavam de elogiar o governo pela iniciativa.
 “Estamos satisfeitos por ganharmos, hoje dia do Herói Nacional, uma escola bonita e bem apetrechada”, refere a mensagem lida por um aluno que, exprimindo bem o sentimento geral, frisa a “importância do laboratório de informática no mundo da globalização” e o facto d estabelecimento ser o primeiro do género na sede do município António Calepa, um dos encarregados de educação, também leu uma mensagem, a lembrar que o governo cumpria a palavra de ordem do Presidente Agostinho Neto: “o mais importante é resolver os problemas do povo”.
“Estamos satisfeitos porque os nossos filhos vão deixar de frequentar aulas debaixo das árvores e passam a estudar em condições dignas, que contribuem para melhorar a assimilação dos conteúdos”, exultou.
A vice-governadora, que presidiu o acto provincial do 17 de Setembro nos Gambos, referiu que “a construção de infra-estruturas escolares visam satisfazer as necessidades da população estudantil” e permitem inserir mais crianças no sistema normal de ensino.
 
Agostinho Neto um exemplo

 
Vitória da Conceição recordou “a solidariedade, o patriotismo, a firmeza e a coragem que Agostinho Neto teve para a conquista da independência nacional, da liberdade e do desenvolvimento” de Angola, afirmando que “estes feitos” devem ser exemplos a seguir por todos para a reconstrução do país e bem-estar das pessoas.
A vice-governadora, que falava para mais de cinco mil pessoas, entre as quais representante de partidos políticos com assento no Parlamento, magistrados e autoridades tradicionais eclesiásticas, pediu que todos pautassem as vidas pelo respeito pelos outros e pelo resgate dos valores morais.
 
Gambos já comunica por telefonia móvel
 
A população dos Gambos já dispõe do sistema de telefonia móvel da operadora nacional Unitel, graças à instalação, em Chiange, de uma antena de, aproximadamente, cem metros de altura para recepção do sinal, e de painéis solares para gerar corrente eléctrica que alimenta todo o sistema de montado.
O administrador do município, Elias Sova, disse que “a entrada em funcionamento do sistema de comunicação da Unitel abre novas perspectivas à vida socioeconómica” dos Gambos, pois, salientou, “os empreendedores de vários pontos da província e do país já podem investir”, com “a vantagem de poderem estabelecer contactos, por telefone, com eficiência”.
“Já estamos a comunicar pelo telefone celular e pela Internet, a navegação é rápida e de fácil acesso, ao ponto de alunos de várias escolas do município já terem adquirido o hábito de pesquisar”, congratulou-se.
Com a entrada em funcionamento do sistema de comunicação da Unitel, a nova escola do ensino geral, dotada de uma sala de informática, pode levar as crianças a entrar no mundo das novas tecnologias de informação.
 
Estrada em obras      
 
O troço Chiange/Desvio 128, com uma extensão de 22 quilómetros, após a reparação a que está a ser sujeito, vai melhorar substancialmente a circulação de pessoas e de mercadorias.
A picada, em mau estado de conservação desde a época colonial, vai ser terraplanada, asfaltada e sinalizada.
Neste momento, disse, ao Jornal de Angola, um técnico da empresa responsável pela obra, estão a ser feitos os trabalhos de preparação dos solos e colocação de betume para o posterior asfaltamento. Os moradores dos Gambos, principalmente automobilistas e comerciantes, estão, naturalmente, satisfeitos com o início das obras de reparação do troço por ser a única via que de acesso à vila. O automobilista João da Costa mostra-se ansioso pela conclusão da obra: “Depois reparação da estrada Chiange/Desvio 128, o movimento de viaturas vai facilitar a vida de muita gente, sobretudo dos professores que residem no Lubango e dão aulas nos Gambos”.

Tempo

Multimédia