Províncias

Huíla promove concurso público para a admissão de funcionários

Domingos Mucuta | Lubango

A Função Pública na província da Huíla vai admitir, nos próximos dias, em concurso público, 3.375 novos funcionários, dos 18 aos 35 anos, para o preenchimento de vagas nos sectores da Educação, Saúde e Justiça.
 

A Função Pública na província da Huíla vai admitir, nos próximos dias, em concurso público, 3.375 novos funcionários, dos 18 aos 35 anos, para o preenchimento de vagas nos sectores da Educação, Saúde e Justiça.
O da Educação, com 3.055 vagas, é aquele que dispõe de mais lugares, sendo dois mil para candidatos a professores do ensino primário, 950 para o 1º ciclo e 105 para o 2º ciclo. Os candidatos que reunirem os requisitos exigidos vão ser distribuídos pelos 14 municípios da província.
Fonte ligada ao Departamento de Recursos Humanos da Direcção da Educação na Huíla disse que o concurso não está aberto apenas a candidatos com formação pedagógica.
Já a Direcção Provincial de Saúde vai admitir 256 novos trabalhadores. Os candidatos concorrem para as carreiras de médicos, técnicos de apoio a unidades hospitalares, de diagnóstico e de áreas administrativas.
Em relação à Justiça, estão disponíveis 64 lugares para novos funcionários.
A abertura de concursos públicos tem estado a animar os jovens formados na Huíla, que procuram o primeiro emprego. Estela Landuleny, finalista da Escola de Formação de Professores, afirmou que está segura de que vai conseguir uma vaga, porque deseja ardentemente organizar a sua vida e contribuir para o processo de reconstrução de Angola.
João Samuel, estudante de Direito, quer aproveitar o concurso lançado pela Direcção da Justiça para conseguir um emprego que lhe possa garantir estabilidade e boa remuneração. Afirmou estar disposto a trabalhar no interior da província.

Tempo

Multimédia