Províncias

Huíla reserva área para concentração de mercadorias

Arão Martins | Lubango

O vice-governador da Huíla para a área económica, Pontes Pereira, anunciou que a província reservou uma área de 200 hectares de terra para a construção de um porto seco que servirá a área logística da região.

O vice-governador da Huíla para a área económica, Pontes Pereira, anunciou que a província reservou uma área de 200 hectares de terra para a construção de um porto seco que servirá a área logística da região.
Pontes Pereira, que falava no encontro que manteve com os empresários holandeses do ramo agro-pecuário, disse que o porto seco vai servir também de base logística do granito negro. A Huíla tem ligações internacionais muito importantes na região da SADC através do Caminho-de-ferro de Moçamedes.

Tempo

Multimédia