Províncias

Huíla tem biblioteca digital

Domingos Mucuta| Lubango

A instalação de uma biblioteca digital, com mais de três mil livros para apoio à investigação científica, constitui uma das apostas do Instituto Superior Politécnico Independente (ISPI), anunciou ontem, na cidade do Lubango, a directora-geral da instituição.

A biblioteca é suportada por uma base de dados diversificada para atender os estudantes dos cursos ministrados no instituto
Fotografia: Domingos Mucuta

Sónia Burity da Silva explicou que os investimentos feitos na criação de condições para a investigação científica na instituição  visam responder às exigências do Ministério da Educação de formação de quadros com qualidade.  A biblioteca digital é suportada por uma base de dados diversificada para atender os estudantes dos oito cursos ministrado no instituto.
O acesso aos conteúdos é feito por computadores conectados à Internet. O suporte físico conta com pacote bibliográfico com mais de 1.200 livros.
O Instituto Superior Politécnico Independente (ISPI) é a primeira instituição do ensino superior a instalar uma biblioteca digital na cidade do Lubango. O investimento ronda os 200 mil dólares.
 “A procura permanente pelo ensino de excelência, mediante a formação de quadros capazes para o mercado de trabalho continua a ser a aposta do Instituto Superior Politécnico Independente (ISPI). Temos feito muito trabalho no âmbito académico e pedagógico, sempre com a colaboração de entidades nacionais, regionais e locais”, afirmou Sónia Burity da Silva, que disse acreditar que o investimento feito vai estimular outras instituições do ensino superior público e privado a seguir o mesmo exemplo, de melhoria das condições de ensino.

Tempo

Multimédia