Províncias

Investimentos na Huíla na prevenção de doenças

O secretariado provincial da Cruz Vermelha de Angola (CVA) na Huíla investiu, em 2009,  mais de 82.000 dólares em projectos de prevenção contra o VIH/Sida, cólera e de programas de sensibilização contra as minas.

Dinheiro serviu também para acções de sensibilização sobre o perigo das minas
Fotografia: Eduardo Pedro

O secretariado provincial da Cruz Vermelha de Angola (CVA) na Huíla investiu, em 2009,  mais de 82.000 dólares em projectos de prevenção contra o VIH/Sida, cólera e de programas de sensibilização contra as minas.
Ao fazer o balanço das actividades realizadas durante os últimos dois anos, a secretária provincial da organização, Ana Paula Fonseca, esclareceu que os projectos foram desenvolvidos nas cidades do Lubango, Matala e Cacula.
Do montante total, 52.000 dólares foram financiados pelo Fundo Global e reverteram para um programa de sensibilização do VIH/Sida, 10.000 foram dados pela UNICEF e destinados ao combate à cólera e 20.000 foram doados pela Federação Internacional da Cruz Vermelha (FICV) e foram aplicados no programa de desminagem. A responsável da Cruz Vermelha informou que os programas beneficiaram um universo de 300.000 pessoas na região.
No âmbito da acção de sensibilização do programa de combate ao VIH/Sida, Ana Paula Fonseca informou que a CVA  na Huíla apoiou 21 prostitutas em programas de auto-emprego.
A secretária da organização informou que as prostitutas conseguiram mobilizar, durante as suas actividades, mais 21.000 pessoas do Lubango e Matala sobre o risco que representa o VIH.
Para as acções de combate à cólera, Ana Paula Fonseca revelou que a Cruz Vermelha e a Direcção Provincial de Energia e Águas desinfectaram, na cidade do Lubango, entre 2009 e 2010, 1000 poços de água e entregaram 3.000 barris de armazenamento de água e 1.200 mosquiteiros impregnados com insecticida.
A Cruz Vermelha na Huíla, acrescentou Ana Paula Fonseca, realizou ainda campanhas de sensibilização contra os acidentes de minas, em benefício de 130.000 pessoas residentes na localidade da Cacula.

Tempo

Multimédia