Províncias

Lubango tem plantas que purificam a água

O ambientalista angolano Silvano Leví considerou, nesta quinta-feira, na cidade do Lubango, província da Huíla, necessário que os técnicos ligados ao Ambiente elaborem projectos de investigação de plantas que purifiquem as águas contaminadas por resíduos tóxicos.

O ambientalista angolano Silvano Leví considerou, nesta quinta-feira, na cidade do Lubango, província da Huíla, necessário que os técnicos ligados ao Ambiente elaborem projectos de investigação de plantas que purifiquem as águas contaminadas por resíduos tóxicos.
Silvano Leví referiu que a materialização dos projectos de investigação passa pelo investimento do governo em recursos humanos, sobretudo biólogos, porque têm conhecimentos exactos sobre as plantas.
Explicou que estas plantas servem de indicadores sobre a presença de metais pesados nas águas e conseguem eliminar os resíduos transformando a água em líquido puro.
Silvano Leví, referiu que as plantas evitam prejuízos ambientais e ajudam a reduzir as despesas elevadíssimas que o Executivo tem feito para a preservação do Ambiente.
“A ciência tem vindo a evoluir e é preciso que o Governo esteja atento a este fenómeno e os ambientalistas devemos estar sempre ligados ao desenvolvimento científico, para não sermos ultrapassados”, sublinhou.

Tempo

Multimédia