Províncias

Mais água a correr nas torneiras do Lubango

André Amaro | Lubango

Os munícipes do Lubango vão passar a consumir água de melhor qualidade, a partir de Dezembro, graças à intervenção que está a ser desenvolvida para reabilitar e modernizar a conduta de transportação da Tundavala.

Os munícipes do Lubango vão passar a consumir água de melhor qualidade, a partir de Dezembro, graças à intervenção que está a ser desenvolvida para reabilitar e modernizar a conduta de transportação da Tundavala. As obras, que tiveram início na semana passada, consistem na substituição da conduta existente há mais de 30 anos e erguida com material de fibrocimento por uma nova de PVC (tubos de plástico).
De acordo com o director provincial das Águas na Huíla, Abel da Costa, que prestou a informação ao Jornal de Angola, com a conclusão dos trabalhos, a capacidade vai passar de 100 litros por segundo para 200, abrangendo mais zonas que se encontram privadas do líquido precioso há mais de cinco anos. Devido à degradação natural originada pela sua antiguidade, a conduta começou a apresentar sérios problemas de roturas em Janeiro e, para não comprometer o fornecimento de água às populações e empreendimentos foi necessário “avançar com este projecto”, explicou Abel da Costa. Esta intervenção  vai permitir melhorar o fornecimento, evitar desperdício na rede,  aumentar o número de consumidores de 500 para 700 mil.
As fábricas da Coca-Cola e da cerveja Ngola também vão receber mais quantidade de água. Abel da Costa esclareceu que a empreitada está orçada em 2,4 milhões de dólares, dos quais 1,5 milhões foram pagos pela empresa Ngola.

Tempo

Multimédia