Províncias

Mais água potável para aVila Branca

Arão Martins | Ngola

Os cerca de 8.200 habitantes de Vila Branca e Vatuko, município de Caluquembe, dispõem, dentro de dias, de água potável graças à entrada em funcionamento de dois sistemas de captação e distribuição, orçados em 16 milhões de kwanzas.

A administração está a construir sistemas integrados de água em várias comunas
Fotografia: Arão Martins

Os cerca de 8.200 habitantes de Vila Branca e Vatuko, município de Caluquembe, dispõem, dentro de dias, de água potável graças à entrada em funcionamento de dois sistemas de captação e distribuição, orçados em 16 milhões de kwanzas.
As infra-estruturas, instaladas no âmbito do programa “Agua para Todos” e inauguradas pelo governador da província, têm sistemas solares, lavandarias, com quatro tanques, e balneários.
O responsável pela povoação de Vila Branca lembrou que, com a instalação do sistema, as pessoas deixam de ter de ir ao rio Cunene buscar água, onde corriam o risco de ser atacadas por jacarés.
Daniel Catende congratulou-se por agora ser possível cozinhar os alimentos, dar de beber aos animais e reduzir muitas doenças sem correr riscos.


Armazém de produtos


O governador Isaac dos Anjos também inaugurou, na comuna de Ngola, um armazém de produtos diversos, com capacidade para 45 toneladas, cuja reabilitação foi da responsabilidade da administração municipal de Caluquembe, no quadro do Programa de Combate à Pobreza. 
António Joaquim, em nome dos camponeses da comuna, disse que o armazenamento vai contribuir para as trocas comerciais entre o campo e a cidade e que os beneficiários se comprometem a aumentar a produção de cereais e a cuidar da infra-estrutura.
Ao governo provincial pediu que seja estabelecida uma tabela de preços, sobretudo, de milho, pois os 20 e 30 kwanzas por quilo não compensam os esforços desde a sementeira à colheita.
Também pediu que seja negociado o aumento do valor do crédito de campanha e a sua extensão a outras localidades para haver mais pessoas a beneficiarem do programa, tractores, outros instrumentos de trabalho e fertilizantes. Apoio da administração
O administrador de Caluquembe salientou a importância de se continuar a trabalhar junto da população na resolução dos problemas. Emílio Tchitacumbe referiu que a administração está a construir dois sistemas integrados de água nas localidades do Ngando e Mumue.

Tempo

Multimédia