Províncias

Mais crianças na Huíla são inseridas no ensino

Mais de 21.040 crianças, que se encontravam fora do sistema normal de ensino na província da Huíla foram inseridos nas diversas instituições escolares, fruto da construção de 1.754 salas de aulas pelo Governo provincial.

Milhares de crianças deixaram de ficar fora do sistema normal de ensino e aprendizagem
Fotografia: Jornal de Angola

O director provincial da Huíla da Educação, Américo Chicote, disse ontem que a implementação dos programas Municipal Integrado de Desenvolvimento Rural e de Combate à Fome e de Investimentos Públicos estão a permitir a edificação de mais escolas, residências para professores e outras acções, como a merenda escolar.
Américo Chicote destacou a construção de escolas de 20 salas de aulas, nos municípios do Lubango, Matala, Jamba e Caconda, elevando os índices de escolaridade a nível dos munícípios da Huíla , permitindo o enquadramento de 2.388 novos professores.
A par destas acções, o responsável da Educação na Huíla apontou a execução do programa da merenda escolar junto das comunidades, o que está a contribuir na redução dos índices de abandono nas instituições escolares.
Américo Chicote considerou que o Executivo atribui, para cada município, mais de 40 milhões de kwanzas para o programa merenda escolar, tendo beneficiado um total de 528.030 crianças da província da Huíla, tendo acrescentado que o Governo, no âmbito do programa de reforma escolar, introduziu o plano de distribuição de livros gratuitos, tendo sido já entregues 15 milhões de manuais.

Tempo

Multimédia