Províncias

Mosquiteiros impregnados para os municípios da Huíla

Domingos Mucuta| Lubango

A população da província da Huíla está a ser sensibilizada, desde ontem, para o uso do mosquiteiro impregnado com insecticida, informou a directora provincial da Saúde Pública.

Técnicos da Saúde em acção formativa para reforçar campanhas de sensibilização da população
Fotografia: Domingos Mucuta|Lubango

Fátima Barros explicou, à margem do acto de lançamento da campanha, que a província dispõe de mais de um milhão de mosquiteiros a serem distribuídos às famílias dos 14 municípios da Huíla.
A campanha foi antecedida pela formação de mobilizadores, registadores e supervisores.
A fase preliminar da campanha começa com a sensibilização, registo e atribuição de cartões, para facilitar o acesso ao mosquiteiro.
Fátima Barros disse que as estatísticas de casos da doença e de mortes nas unidades hospitalares da província são preocupantes.
A directora provincial da Huíla da Saúde Pública lembrou que a campanha consta da Estratégia Nacional de Controlo da Malária, tendo acrescentado que o objectivo último é reduzir os índices de mortalidade por esta doença, que continua a ser uma das principais causas de óbitos em Angola.
Os mobilizadores, registadores e supervisores vão percorrer todas as localidades, distribuindo um mosqueteiro por cada duas pessoas.
 “A luta contra a doença e os focos de mosquitos deve envolver todos”, disse a directora provincial da Saúde Pública.
A vice-governadora provincial da Huíla para o Sector Político e Social, Maria João Chipalavela, defendeu o uso dos mosquiteiros impregnados com insecticida no seio das famílias, sobretudo nas crianças e mulheres grávidas, para assegurar saúde para todos.

Tempo

Multimédia