Províncias

Mulheres pedem melhoria das condições de vida

Domingos Mucuta| Lubango,Kayila Silvina | Mbanza Congo,Leonor Mabiala | Cabinda

Instalação de rádios comunitárias nas zonas rurais e extensão do sinal da TPA foram algumas das sugestões apresentadas no Fórum Provincial de Auscultação da Mulher Rural, que reuniu mais de 300 participantes de todos os municípios da Huíla.

As mulheres rurais da província da Huíla sugeriram a criação de um núcleo de apoio às mulheres viúvas e às crianças desamparadas
Fotografia: Arimatea Baptista|Lubango

As mulheres também salientaram a importância de haver mais facilidades de acesso ao crédito de campanha agrícola, à agricultura mecanizada, água potável, luz eléctrica e formação profissional e académica, com a construção de centros e escolas nas zonas onde vivem, onde também querem a instalação de pequenas moagens.
As participantes também sugeriram a criação de núcleos de apoio social às viúvas e crianças desamparadas, postos policiais, transportes públicos, bem como a instalação de dependências bancárias e postos de emissão de Bilhetes de Identidade e de cédulas.
As intervenientes ao fórum da mulher rural realçaram a urgência da sociedade de empenhar no combate à violência doméstica e dos infractores serem punidos, de acordo com lei.
Numa reunião idêntica no Zaire, as participantes, também cerca de 300 e de todos municípios, pediram praticamente as mesmas coisas.
As mulheres rurais querem mais facilidades de acesso ao crédito agrícola, a tractores, alfaias, Internet, aos sinais da TPA, Rádio Nacional e operadoras de telemóveis, meios de transporte para o escoamento do que produzem e cursos de alfabetização, a instalação de mais escolas e postos de saúde nos meios rurais. O vice-governador Rogério Eduardo Zabila recordou o contributo da mulher nas várias etapas da vida do país e referiu o interesse das participantes fazerem parte de cooperativas e associações para mais facilmente serem encontradas soluções para os problemas que têm. No fórum provincial de Cabinda, as mulheres rurais queixaram-se da falta de acesso aos meios de comunicação e das dificuldades na obtenção do crédito bancário bonificado para aquisição de equipamentos e de matéria-prima para agricultura. Também lamentaram as dificuldades de acesso à electricidade, água potável, emprego, formação profissional e terras para a agricultura.

Saneamento básico

Além disso, pediram melhor saneamento básico, escolas do ensino médio, postos policiais, de registo de nascimento e de emissão de Bilhete de Identidade, bem como acções de formação, a atribuição de instrumentos de trabalho às parteiras tradicionais, a melhoria dos transportes públicos e a continuação do programa de habitação.
 O secretário de Estado do Tesouro, Leonel da Silva, que esteve no encontro em representação do ministro das Finanças, pediu às participantes que não percam a esperança e prometeu-lhes que os problemas apresntado durante o fórum vão ser, paulatinamente, resolvidos, no âmbito dos Programas de Desenvolvimento Rural e de Combate à Pobreza e do Apoio à Mulher Rural e da Periferia, em todas províncias.

Tempo

Multimédia