Províncias

Mundo da Ciência chega ao Lubango

Arão Martins| Lubango

O projecto “Uma viagem ao mundo da ciência, tecnologia e inovação”, numa iniciativa dos ministérios da Ciência e Tecnologia e da Educação, que visa sensibilizar os jovens para o estudo das áreas científicas, mobilizou quatro mil alunos de seis escolas do Lubango, província da Huíla.

Alunos de escolas do Lubango incentivados para apostarem mais nas áreas científicas
Fotografia: Araão Martins| Lubango

O coordenador do projecto, Bernardo Guerreiro, explicou que a iniciativa está a promover entre os alunos um maior conhecimento sobre as ciências e tecnologias, para sensibilizar os jovens a optarem por estas áreas profissionais. Explicou que o programa vai chegar a 100 mil alunos, com mais de 11 anos, que frequentam o primeiro ciclo do ensino secundário e abrange mais de quatro mil funcionários entre professores e coordenadores de escolas.
Bernardo Guerreiro informou que o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, em parceria com o Ministério da Educação, está a trabalhar para que o projecto chegue igualmente aos pais, encarregados de educação, familiares e às próprias comunidades, para garantir o envolvimento de todos.
O coordenador esclareceu que já foram abrangidas as províncias de Luanda, Benguela, Lunda Norte, Lunda Sul, Malanje, Cabinda, Zaire, Uíge, Huambo, Bié, Bengo, Cuanza Sul, Cuanza Norte, Cuando Cubango, Moxico, Cunene e Namibe.

Abordagem pedagógica

“Uma viagem ao Mundo da Ciência, Tecnologia e Inovação” tem a primeira abordagem pedagógica com a apresentação aos professores e coordenadores pedagógicos das escolas, de toda a informação referente ao programa.
Durante o programa é oferecido ainda material didáctico aos professores, para poderem começarem a preparar os jovens para o projecto.
Na segunda fase, os alunos interagem com actores de teatro, que de forma lúdica e divertida, apresentam uma encenação com conteúdos criados especificamente para o programa.
Os alunos recebem brochuras com conteúdos sobre o programa, que integra um enquadramento sobre a importância do estudo de áreas científicas, como a Matemática, Física, Química, Biologia e as tecnologias de informação. A distribuição do material pedagógico abrange igualmente os professores e coordenadores de disciplinas, de maneira a ajudarem a preparar os alunos.
Dentro do projecto está ainda incluído um concurso nacional entre escolas, que pretende desafiar os alunos a escreverem uma redacção, sob o tema “O que quero ser quando for grande”.

Tempo

Multimédia