Províncias

Nossa Senhora da Muxima recebeu apoio do Executivo

Domingos Mucuta | Lubango

Várias infra-estruturas sociais, destinadas à assistência sanitária, educação e reintegração social estão em construção na paróquia da Nossa Senhora da Muxima, no sector do Toco, no Lubango, com o apoio do Executivo, revelou o pároco da localidade.

Membros do Governo visitaram as obras
Fotografia: Arimateia Aaptista|Lubango

Várias infra-estruturas sociais, destinadas à assistência sanitária, educação e reintegração social estão em construção na paróquia da Nossa Senhora da Muxima, no sector do Toco, no Lubango, com o apoio do Executivo, revelou o pároco da localidade.
O padre Américo Costa revelou que a igreja local está a construir, com a participação da comunidade religiosa do Toco, um centro juvenil comunitário, residência para as madres, posto de saúde, biblioteca, centro de formação profissional e campos desportivos para futebol, andebol e basquetebol.
O pároco disse que o Papa Bento XVI manifestou satisfação pela construção dos empreendimentos, por ser a primeira vez que uma paróquia ergue obras de raiz. A inauguração dos equipamentos sociais está prevista para Março do próximo ano, durante a comemoração do primeiro aniversário da paróquia.
“Estamos a criar as condições necessárias para recuperar o tecido humano. A nossa missão não é apenas a evangelização, acreditamos que podemos intervir na vertente social para contribuir na elevação do nível de profissionalização e integração dos jovens carentes”, afirmou. O apoio do Executivo à paróquia da Nossa Senhora da Muxima começou com a construção do templo e da primeira escola do I e II ciclo, que acolheu, este ano lectivo, 338 alunos da 7ª à 12ª classe. Américo Costa informou que o processo de alfabetização contemplou este ano mais de 200 adultos.
O vice-governador provincial da Huíla, Sérgio da Cunha Velho, constatou a evolução das obras e, satisfeito, prometeu mais apoio do Governo Provincial às iniciativas da igreja, para proporcionar condições de funcionamento dos equipamentos sociais.

Tempo

Multimédia