Províncias

Pós-graduação na Huíla para gestores escolares

Domingos Mucuta | Lubango

Gestores de escolas públicas, bem como directores provinciais e municipais da Educação na Huíla iniciaram ontem um curso de um ano de pós-graduação em gestão escolar.

O curso tem 35 formandos, que depois de concluírem a formação são replicadores do conhecimento nas respectivas regiões. O objectivo da referida formação é dotar os gestores das melhores práticas de gestão das unidades escolares da Huíla à luz do Plano de Desenvolvimento do Sector da Educação.
O director provincial da Educação na Huíla, Américo Chicote, disse na abertura do curso que a iniciativa permite ao sector ter um grupo de técnicos capazes de gerir orçamentos e melhorar a qualidade de ensino para dessa forma responder às exigências definidas pelo Ministério no quadro da Reforma Educativa e convénios internacionais.
Américo Chicote, que pediu o total empenho dos participantes do sector da educação, referiu que a Huíla conta com 1.822 escolas e 19.175 professores. Elizabeth Silveira, professora da Fundação Getúlio Vargas, Elizabeth Silveira, uma formadoras, disse que os formandos vão adquirir, entre outros, conhecimentos sobre técnicas modernas de gestão de unidades escolares, planificação e gestão de recursos humanos e orçamentos.
O referido curso tem como base de trabalho o plano de desenvolvimento da província sobretudo as metas da educação. O curso é promovido pelo Governo Provincial em parceria com a empresa Premium.

Tempo

Multimédia